quinta-feira, 21 de abril de 2011

Sus Pies

Por onde andaram
Esses pés?
Que terras percorreram?
Gastaram a própria sola?

Pisaram nuvens, flores e terra molhada
E também espinhos e pedras
Transpuseram rios sem pontes
Te levaram a outros horizontes

Um após o outro,
Numa cadência lenta e firme
De quem sabe aonde não quer ir
Eles te trouxeram até aqui

Por que demoraram tanto?
Eu esperaria mais!

Diante de mim
Eles se apresentam;
Agora somos quatro
A errar por novas veredas

Comungando direção e sentido,
Eles denotam perfeitas condições
De seguir, sempre juntos,
Essa longa caminhada que chamam de vida

2 comentários:

  1. Lindo demais, caminhos, longos caminhos, sóis e luas a carregar nas costas, mas os sonhos me deram a leveza de transcender a tudo isso.

    ResponderExcluir
  2. Que estejam sempre juntos na caminhada...
    Aliás, o caminho se faz ao andar.
    E é melhor que se esteja acompanhado.

    Abraço, Mestre Gouveia.

    ResponderExcluir